10 principais KPI’s para vendas de imóveis?

10 principais KPI's para vendas de imóveis?

Existem formas cada vez mais interessantes para entender se um negócio está dando certo, descubra os principais kpis para vendas. Afinal, estamos em um momento no qual boa parte das informações podem ser levantadas com bem menos dificuldade do que antes. Nesse cenário, as imobiliárias têm uma vantagem ainda maior, pois existem fatores numéricos que fazem parte da jornada de venda.

Para isso, os KPIs para vendas são extremamente importantes. Sigla para Key Performance Indicators, os KPIs nada mais são do que os indicadores-chave de um negócio. Feitos para mensurar o resultado de cada ação executada, eles são essenciais para a inteligência de negócio e para estratégias de vendas. O que tem uma importância ímpar no mundo dos negócios.

Portanto, venha conferir com a gente quais são os principais KPIs para venda de imóveis!

1# Oportunidades criadas

Um dos indicadores numéricos mais básicos que uma imobiliária deve ter é em relação às chances de iniciar um negócio geradas. Para medir, basta saber quantas pessoas se conectaram com a empresa, seja para tirar dúvidas ou demonstrar interesse. Como esse é um ponto inicial de uma venda, sua importância é para ter uma boa noção da jornada do prospecto.

2# Propostas feitas pelos clientes

Esse é um ponto essencialmente importante nas vendas. Afinal, nos negócios imobiliários é de praxe que potenciais clientes que vão fechar façam uma proposta de compra. O bom é que se trata de um dado extremamente fácil de levantar e, mesmo assim, entrega uma informação de inteligência bastante importante.

3# Principais KPI’s de negócios concluídos

Saber quantas pessoas fecharam negócio também parece básico, mas é um ponto que pode ficar de lado. Há muitos negócios que não têm muito controle de seus dados e ainda não levantam quantos aluguéis ou vendas foram fechados.

Outro ponto interessante de usar esse KPI é pela possibilidade de segmentação dele. Digamos que a imobiliária atenda uma área que conta com unidades na Zona Sul de São Paulo, é possível levantar, por exemplo, qual é o desempenho de um apartamento no Sacomã colocado à venda.

4# Visitas necessárias

Quantas visitas um cliente precisa, em média, para fazer um fechamento? Pode parecer que a resposta é generalizada, mas não é bem assim. Cada contexto oferece uma realidade diferente e existem localidades que precisam de mais ou de menos visitas do que outras. Por isso que a média de visitas necessárias precisa ser levantada como indicador.

5# Tempo médio de fechamento

Quanto mais um imóvel fica parado na carteira, mais tempo a imobiliária leva para ver a sua entrada de recursos. Não apenas saber o tempo médio de uma venda, mas fazer de tudo para que esse KPI seja otimizado é muito interessante para melhorar os resultados.

6# Taxa de desistência dos prospectos

Existe uma infinidade de fatores para que um potencial cliente desista de uma negociação. A taxa de desistência, também conhecida como churn rate, ajuda a prever resultados, montar metas e descobrir melhorias para evitá-la.

7# Ticket médio de comissão

Não há negócio que se sustente sem saber o seu ticket médio. Então ter a ideia de qual é a comissão média para uma venda é essencial para prever receitas, atualizar despesas e gerir o negócio como um todo. Apesar de básico, é um KPI que não pode faltar em qualquer lista.

8# Custo médio para aquisição de clientes

Quanto você precisa investir para atrair um prospecto? O custo médio de aquisição, também conhecido como CAC é o cálculo do valor para um lead qualificado se tornar cliente. Tendo em mãos o seu CAC, é possível otimizar o orçamento para atrair mais interessados reais para o seu negócio.

9# Retorno de investimento

Não existe um método mais objetivo e eficaz de mensurar os lucros do que o famoso ROI. Sabendo quanto que um investimento traz de resultado, é possível traçar as técnicas de venda e de marketing para alavancar ainda mais e obter retornos cada vez mais interessantes.

10# Ranqueamento no Google

Já se foi o tempo em que as pessoas procuravam por imóveis classificados. Atualmente, os motores de busca tomaram o lugar e, por conta disso, precisam ser metrificados. Afinal, se você tem imóveis no estado de São Paulo em sua carteira, vai querer que os cada apartamento à venda no Mirandópolis na sua carteira apareça antes que os da concorrência.

Descobriu com a gente quais são os mais importantes KPIs quando se trata de negócios imobiliários? Conhece alguém que precisa conhecer esses indicadores importantes? Sendo assim, não deixe de compartilhar esse texto nas suas redes sociais e nos seus grupos de WhatsApp.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *